Crianças estudando

Ensino e Pesquisa

Reconhecida por sua expertise em Ortopedia e Reabilitação, a AACD investe em Ensino e Pesquisa com o objetivo de aprimorar processos, promover a evolução dos profissionais e disseminar conhecimento. Dessa forma, a Instituição reforça seu compromisso com a melhoria constante do tratamento oferecido aos pacientes e a qualidade de vida das pessoas com deficiência física.

Ensino

A AACD oferece cursos para profissionais internos e externos, estimulando sua capacitação, aprimoramento e reciclagem em Ortopedia e Reabilitação. Para os participantes, trata-se de uma oportunidade única para investir em qualificação, trocar experiências e ampliar a rede de contatos com profissionais e estudantes de todo o Brasil.

Os cursos são ministrados por especialistas da AACD e têm carga horária de curta e média duração. Destacam-se o Aperfeiçoamento em Reabilitação, com foco na experiência prática, e a Aperfeiçoamento em Fisioterapia, que no período de um ano permite ao aluno ter contato com todas as áreas de reabilitação da AACD.

Para mais informações sobre a área de Ensino, entre em contato: educacao@aacd.org.br, +55 (11) 5576-0979 ou +55 (11) 5576-0797, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 17h.

Pesquisa

A AACD investe em pesquisa na área de Ortopedia e Reabilitação, fundamental para a inovação tecnológica, a evolução do tratamento de diversas patologias e o desenvolvimento técnico-científico dos profissionais. Há três linhas de pesquisa principais:

ícone microscópio

Pesquisas científicas/institucionais

Conduzidas por profissionais da AACD, são voltadas para a produção de conhecimento científico

ícone notebook

Pesquisas de inovação

Focadas na investigação de novas técnicas cirúrgicas, equipamentos, terapias, entre outros

Ícone livros

Pesquisas clínicas

Estudos em áreas médicas diversas, contratados por empresas farmacêuticas e conduzidos no Centro de Pesquisa Clínica AACD

Anualmente, a AACD promove também o Dia do Residente, quando os aprimorandos da Instituição apresentam os estudos que conduziram ao longo do ano, sendo julgados e premiados por um comitê independente.

Todas as pesquisas realizadas na AACD passam pela aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP). Vinculado à Comissão Nacional de Ética em Pesquisa, o CEP é uma instância autônoma responsável por avaliar as pesquisas do ponto de vista ético e de segurança do paciente, bem como por garantir sua conformidade com as resoluções e normas da área.

Entre as pesquisas em andamento, destaca-se o projeto de desenvolvimento de endopróteses ortopédicas feitas a partir de ligas de nióbio-titânio e titânio-nióbio-zircônio por manufatura aditiva, personalizadas para cada paciente e de preço mais acessível do que similares no mercado. A pesquisa é resultado de uma parceria com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT) e a Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM). A entrega final do produto está prevista para o segundo semestre de 2020, quando seguirá para a fase de estudo clínico.

No início de 2019, a AACD concluiu o projeto de pesquisa Genocão, realizado em parceria com a Universidade de São Paulo (USP). Foram envolvidos dez cães, dos quais cinco foram treinados como cães de assistência, que auxiliam as pessoas com deficiência física nas tarefas cotidianas, e os outros cinco como cães coterapeutas, que apoiam o processo de reabilitação dos pacientes. O primeiro cão de assistência foi doado em 2017 ao paratleta Lucas Junqueira, da Seleção Brasileira Paralímpica de Rugby Masculino.

Para mais informações sobre a área de Pesquisa, entre em contato: pesquisa@aacd.org.br ou +55 (11) 5576-0497, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

 

Disseminação de conhecimento

Com a preocupação de atuar como difusora de conhecimento científico em Ortopedia e Reabilitação, a AACD apoia a divulgação de artigos científicos por seus profissionais em publicações indexadas, que possuem critérios de seleção rigorosos e submetem as pesquisas à avaliação de pares para atestar sua inovação e validade.

Confira abaixo alguns artigos científicos publicados pelos profissionais da AACD:

Volatr ao topo