Doe Agora

Mudança no atendimento em SP

21 de fevereiro de 2016

desktop-21-09-2016-11-34-27-233

O ano de 2015 foi um período difícil para a AACD. Impactada fortemente pela crise econômica que assola o País, com uma redução de 30% das doações em relação ao ano anterior, a Instituição que completava 65 anos se viu obrigada a encerrar as atividades em duas das cinco unidades existentes na cidade de São Paulo: Santana (Zona Norte) e Campo Grande (Zona Sul).

Apesar das mudanças, os pacientes em nenhum momento deixaram de ser atendidos, pelo contrário. Em alguns casos, o remanejamento manteve não só o dia e horário de costume, como também o terapeuta que já acompanhava o caso. Os atendimentos dessas pessoas passaram a ser realizados na AACD Ibirapuera (sede da Instituição) e na Unidade Mooca.

A reestruturação foi estratégica e teve como objetivo garantir a manutenção da excelência dos atendimentos e envolveu cerca de 300 pacientes. As Unidades Santana e Campo Grande foram construídas e equipadas com recursos do Governo do Estado em terrenos doados pela Prefeitura. Ou seja, não foram utilizados recursos do Teleton.

Vale lembrar que a situação orçamentária da Instituição ainda é crítica e que há a necessidade da colaboração da sociedade com doações para que a situação não se agrave em 2016. Para se ter uma ideia, a arrecadação recorde do Teleton 2015 representa aproximadamente 15% do custo anual da AACD.